Data: 11 de junho de 2021
Duração e horário: 3 horas
Regime de funcionamento: online, sessão síncrona, através da plataforma MS Teams. Após a inscrição, será enviado link de acesso aos participantes.
Inscrição: gratuita, embora sujeita a registo prévio, exclusivamente para técnicos das ARS e DRS e outros participantes do programa Revive.
Data limite de inscrição: 9 de junho de 2021
Coordenação: Maria João Alves

Sumário
A ação de formação "REVIVE-Mosquitos"  visa promover nos destinatários competências teóricas e práticas nos domínios da epidemiologia, biologia de vetores, métodos laboratoriais, vigilância, controlo e prevenção das doenças transmitidas por mosquitos. É organizada por especialistas do Centro de Estudos de Vetores de Doenças Infeciosas do INSA, IP e destina-se a técnicos de saúde ambiental das Administrações Regionais de Saúde e a outros interessados. As doenças transmitidas por vetores resultam da transmissão de agentes infecciosos durante a picada de artrópodes hematófagos, como mosquitos e carraças. Os mosquitos são insectos pertencentes à ordem Diptera, conhecidos por picarem e causarem incómodo ao Homem. As doenças transmitidas por mosquitos já constituíram graves problemas de saúde pública na Europa. Doenças como a malária, dengue e febre amarela foram erradicadas da Europa em meados do século XX, continuando, no entanto, a existir em muitas zonas as espécies de mosquitos responsáveis pela transmissão destas patologias. Atualmente, na Europa, são conhecidas encefalites virais transmitidas por mosquitos. A Rede de Vigilância de Vetores (REVIVE) propõe a instalação de capacidades que levem ao conhecimento das espécies de vectores  presentes, e onde, e assim esclarecer o seu papel como vetor de agentes de doença.